COMO JESUS ERA FISICAMENTE?




Talvez você já tenha parado por algum momento para fazer a si mesmo esta pergunta: - como Jesus realmente era fisicamente? Será que era alto ou baixo? Branco ou preto?
A grande maioria considera um Jesus loiro, de olhos azuis claros, de cor branca, aparência delicada, suave como observamos na mídia.
Mas em modelo podemos sugerir como base para identificarmos a verdadeira aparência de Cristo?
Segundo a Bíblia podemos concluir que os evangelhos não chegam a relatar claramente as características da aparência físicas de Jesus, porém no Antigo Testamento, no Livro do profeta Messiânico Isaías, encontramos esta passagem referindo a Sua aparência:

“Porque foi subindo como renovo perante ele, e como raiz de uma terra seca; não tinha beleza nem formosura e, olhando nós para ele, não havia boa aparência nele, para que o desejássemos.”(Is.53.2)

Em Jesus não havia algo de belo ou majestoso, na sua aparência física. Israel menosprezaria a sua importância, julgando-o como um homem comum. Embora o grande número de seguidores de Jesus não fosse atraído por sua aparência (pois, Ele se esvaziou  de sua Glória para ser servo  semelhante aos homens - Fp. 4.7); Ele era extremamente belo e formoso no seu interior, pois era o Verbo incarnado que traria a cura, salvação e alegria para os cressem Nele.

João o Apóstolo no Livro de Apocalipse, descreve a visão que teve de Jesus glorificado:

“E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro.
E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo;
E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas.
E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece.
E eu, quando vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último;
E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno.”(Ap.1.13-18)

Nesta passagem, Jesus aparece como o poderoso Filho do Homem.

Por: Cleber Renato

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Temas para Missões

Frases marcantes de: Oswald Smith

Esboço de Sermão: Josué - Vencendo os Desafios da Vida