Pular para o conteúdo principal

ESTRATÉGICA EVANGELÍSTICA

Evangelismo em uma Festa Familiar
Se deve evangelizar numa festa secular?
            O meio para se evangelizar uma pessoa ou várias, depende basicamente de três fatores:
- O Ambiente (local)
- O método a ser aplicado (folheto, cruzada, evangelismo em massa/pessoal, de casa em casa etc.)
- A pessoa (fator psicológico, emocional, social, faixa etária e outros)

            Analisaremos nesta oportunidade sobre a evangelização em uma Festa Familiar, ressaltando que muitos ignoram essa prática devido o pré julgamento do ambiente, que segundo eles é inapropriado e inadequado para tal ocasião. Porém vale lembrar que o primeiro milagre realizado pelo Senhor Jesus foi em uma Festa Familiar (festa de casamento- João 2.1-11) quando Ele transformou a água em vinho.

            Durante uma Festa Familiar, estamos no convívio com nossos parentes, pessoas mais próximas, sejam elas cristãos ou não, devemos dar toda atenção necessária demonstrando o amor ao nosso semelhante, talvez a maior crítica dos ignorantes está relacionado ao ambiente quando a Festa Familiar é proporcionado por um parente não cristão, em um ambiente mundano (músicas mundanas, bebidas, dançarias, etc.) 
Verificando o assunto abordado, procuraremos concluir o mesmo através de três questões:

1.Devemos frequentar festas de família não crente ?
            Claro!  Jesus não veio para os são e sim para os doentes (Mc 2.17), e Deus não faz acepção de pessoas (At 10.34). Ao frequentarmos uma festa de família não crente estamos demonstrando que aquela família possui um valor especial para nós, refletimos através dessa atitude o respeito que temos por aquela família e que realmente importamos com o próximo.

2.Como iniciar uma conversa sobre Jesus num lugar de festa ?
            Nesta ocasião devemos ter muita cautela. Somente iniciaremos uma conversa sobre Jesus, se a pessoa se aproximar e der a iniciativa sobre o assunto, caso contrário não precisamos falar a respeito do mesmo, pois um testemunho autentico e verdadeiro não consiste somente naquilo que falamos e sim através de nossa postura, boa reputação, moral e atitudes (At 6.3) , que muitas das vezes fala muito mais do que dizermos ser.

3.Como se comportar diante das criticas e piadinhas neste tipo de lugar?

            Devemos nos comportar como somos, crentes autênticos, que não conforma com as práticas pecaminosas deste mundo, porém ama o pecador, Jesus foi criticado e chamado de beberrão pelo fato de estar com os pecadores (Mt 11.19). O nosso comportamento deve santo, e quando aparecer as piadinhas e críticas, simplesmente as pessoas notarão que somos diferentes e através de nossas atitudes, naturalmente elas o respeitarão por esse comportamento. Lembre-se que somos luz (Mt 5.16), e a onde a luz está as trevas se dissipam.
Por: Cleber Renato da Silva

Nota em Inglês:

EVANGELISM IN A FAMILY PARTY 
Should she evangelize at a secular party? 
The middle to evangelize a person or several, it depends basically on three factors: 
- The Atmosphere (place) 
- The method to be applied (pamphlet, crusade, evangelism in people / personal, from house to house etc.) 
- The person (factor psychological, emotional, social, age group and other)  
 
We will analyze in this opportunity on the evangelizing o in a Family Party, pointing out that many ignore that practice owed the begin judgement of the atmosphere, that according to them is not own and inadequate for such occasion. However it is worth to remind that the first miracle accomplished by Mr. Jesus it was at a Family Party (marriage party – Jhon 2.1-11) when He transformed the water in wine.  
During a Family Party, we are in the conviviality with our relatives, closer people, be them Christians or not, we should give all necessary attention demonstrating the love to our fellow creature, perhaps the ignoramuses' largest critic is related to the atmosphere when the Family Party is provided by a relative non Christian, in a mundane atmosphere (mundane music, drunk, you would dance, etc.)   
Verifying the approached subject, we will try to conclude the same through three subjects:  
1.Devemos to frequent family non believer's parties?  
Clear!  Jesus didn't come for the healthy and yes for the patients (Mc 2.17), and God doesn't make people's meaning (At 10.34). To the we frequent a party of family non believer we are demonstrating that that family possesses a special value for us, we contemplated through that attitude the respect that we have for that family and that really mattered with the neighbor.  
2.Como to begin a chat on Jesus in a party place?  
On this occasion we should have a lot of caution. We will only begin a chat on Jesus, if the person approaches and she gives the initiative on the subject, otherwise we didn't need to speak regarding the same, because a testimony authenticates and true it doesn't only consist of that that we spoke and yes through our posture, good reputation, moral and attitudes (At 6.3), that many of the times speak much more than we say to be.  
3.Como to behave before you criticize them and jokes in this place type? 
We should behave how we are, authentic believers, that it doesn't conform with the sinful practices of this world, however he/she loves the sinner, Jesus it was criticized and drunkard's call for the fact of being with the sinners (Mt 11.19). our behavior owes saint, and when he/she appears the jokes and critics, the people will simply notice that are different and through our attitudes, naturally they will respect him/it for that behavior. Remember that are light (Mt 5.16), and the one where the light is the darkness they vanish.
For: Cleber Renato da Silva

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Temas para Missões

Temas de Missões:

“... a fim de que todos os povos da terra conheçam o teu nome...” 
II Cr 6.33


“Portanto, meus amados, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.” 
I Co 15. 58


“Antes santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós”. 
I Pe 3. 15


“...para que todos os reinos da terra saibam que só tu és o Senhor.” 
Is 37.20


“Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.”
 I Pe 2. 9


“...orai por nós, para que a palavra do Senhor se propague e seja glorificada...” II Ts 3.1


“O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar boas-novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos”
Isaías 61:1

“Ó terra, t…

ESBOÇO DE MENSAGEM CULTO DE AÇÃO DE GRAÇAS – FORMANDOS EM ENGENHARIA CIVIL

Texto: I Cr 28.20 “Disse Davi a Salomão, seu filho: Sê forte e, corajosamente, (esforça-te e tem de bom animo) mete mãos à obra! Não temas nada e não te amedrontes; pois o Senhor Deus, meu Deus, estará contigo; ele não te desamparará, nem te abandonará até que tenhas acabado tudo o que se deve fazer para o serviço do templo.”
Personagem central: Salomão (O Homem mais sábio que já existiu nos tempos bíblicos – Autor de 3 mil provérbios e mil e cinco cânticos)
Desafio: Construir – Executar – Edificar Grande Templo o Palácio que o seu pai Davi tinha arquitetado por Deus
“A NOSSA VIDA É CONSTRUÍDA ATRAVÉS DE NOSSAS ESCOLHAS. CADA ESCOLHA QUE FAZEMOS RESULTARÁ EM CONSEQUÊNCIAS BOAS OU RUIM”
Três aspectos básicos para construção da nossa vida que resultará em consequências boas: - Fundação - Elemento Estrutural vertical Pilares ou Colunas - Cobertura ou Telhado
1-CONFIAR NO SENHOR: “Confia ao Senhor a tua sorte, espera nele, e ele agirá.” (Sl 36.5) ou (Sl 37.5)
2-HUMILDADE:
“Vindo o orgulho(ou so…

Esboço de Sermão: Josué - Vencendo os Desafios da Vida

TEMA: Josué - Vencendo os Desafios da Vida


TEXTO: E chamou Moisés a Josué, e lhe disse aos olhos de todo o Israel: Esforça-te e anima-te (seja corajoso), porque com este povo entrarás na terra que o Senhor jurou a teus pais lhes dar; e tu os farás herdá-la. O Senhor pois é aquele que vai diante de ti; ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará. Não temas, nem te espantes. Dt 31. 7,8.
INTRODUÇÃO: O livro de Deuteronômio é o livro dos registros das Leis do Senhor de forma resumida, contido no Pentateuco  Judaico, que  significa ensino e instrução, cuja a autoria desta obra é concedido a Moisés. Nos últimos capítulos de Deuteronômio, está registrado evidentemente as últimas instruções de Deus ao Seu povo (Israel – propriedade peculiar do Senhor), antes de possuírem a terra prometida,  e aqui no capítulo 31, analisamos de forma clara e objetiva o Grande Desafio que o Senhor concede a Josué filho de Num, o sucessor de Moisés. Moisés estava no final de sua carreira, aguardando sua par…